26.8.15

O amor não é uma teoria – amor é gesto de fé...











Embora existam muitas teorias do amor
O amor não é uma teoria
O amor não é feito de palavras
Embora no processo de amar e estar junto, também fale
Não é uma ideia, embora dele nasçam muitas ideias
O amor não é poesia, embora seja a inspiração de tantas poesias
*
O amor é uma experiência
Uma pura e sublime experiência de vida
É repartir o pão... E repartir também o coração
*
Amar a Deus - é ser um com ele
E deixar que ele seja Deus em nós
É estar sempre cheio do seu Espírito
É deixar a sua palavra penetrar
E permanecer para sempre em nós
É existir na presença dele
Pensar na presença dele
Viver na presença dele
É respirar - sem pirar - na presença dele
É deixar sua palavra domar os nossos pensamentos
Sentimentos, desejos, vontades e sonhos
É fazer sempre a vontade dele
É falar com ele, ouvi-lo e obedecê-lo
Sim, amor é gesto de fé, esperança e gratidão
*
Da mesma forma, amar o nosso próximo
É ser um com ele - É ter fé nele
Porque amar, é ter fé no outro
É olha-lo de modo positivo
E estimular e esperar o que há de melhor nele
Não é criticar, julgar e condenar...
*
O amor é também um ato de compaixão
É sentir a dor que o outro sente
É se colocar no lugar dele
Fazer do sofrimento dele
O seu próprio sofrimento
É chorar com ele - e sorrir com ele
É estender a mão..., é acolher e socorrer
*
Não, o amor não é uma teoria
O amor é uma profunda experiência de vida
Uma experiência sublime...
*
Sim, o amor é transcendente
Mas também é imanente
Porque, quem ama
Ama a Deus - que é Espírito
E ama também o seu irmão
Que é carne e sangue...
E reparte com ele
Em comunhão
O seu pedaço de pão
VBMello