23.5.16

O show da vida...

A vida é um palco, alguém já disse
E a vida está em mim
Eu sou o palco, onde a minha vida acontece
É não há como fugir do meu papel na vida
Ao mesmo tempo, sou ator, diretor e expectador
Eu sou o palco e levo comigo
Papel da minha atuação, a vida
Sou o eterno ator de mim mesmo
E as cortinas desse teatro
Ora comédia, ora tragédia, ora tédio...
Não se fecharão, enquanto eu for um ser vivente
Se fujo da vida, a vida me segue
Se digo não ao meu papel, a vida ri de mim
Se me acovardo diante do mundo, a vida chora
Se enfrento as dores da vida, a vida está comigo
O show só termina quando eu, finalmente, terminar
Posso ser um péssimo ator, posso esquecer as minhas falas
Posso ser tudo... é sina do meu papel
Mas não posso fugir da responsabilidade do meu papel
De um modo ou de outro, só posso seguir em frente
Com plateia ou sem plateia, anônimo ou conhecido
Incompreendido ou amado, caindo e levantando
Amando, sofrendo, sorrindo, chorando, acreditando
Perdoando e sendo perdoado... vivendo... Sim, viver
Viver, morrer e renascer, é a sina do papel que Deus me deu...
_VBMello