23.4.16

Coisas da vida...


Ela preparou as asas e sonhou com a hora do voo, mas ele era um vento fraco demais. Ela não saiu do chão..., mas nunca desistiu de voar. Sonhava acordada, esperando que um dia aquele vento fraco e morno mudasse e se transformasse numa poderosa tempestade de ventos e relâmpagos... Mas ele nunca passou de uma insignificante brisa fraca... Anos depois, ela percebeu que não sonhava mais. Havia esquecido como era voar.... Então, uma tempestade aconteceu...
_VBMello