11.8.14

ORAÇÃO

Na aflição e no desespero sem fim
A pobre alma cansada
Desespera querendo orar
Mas exausta de tanto sofrer
Não encontra palavras para dizer
Sem saber que a sua mudez aflita
É a sua prece mais sagrada
Continua buscando
Tateando no coração
Umas poucas palavras para falar
VBMello